8 de set de 2012

Laços de família (ou "post para Bibi")

Minha família é relativamente pequena: meu pai só teve um irmão, que já é falecido e não teve filhos. Minha mãe tem duas irmãs: a Márcia e a Ligia. A Li não teve filhos (embora tenha adotado os sobrinhos e sobrinhos-neto), portanto, de primeiro grau, tenho apenas 3 primos, filhos da Má (e do tio Lu): Filipe, Paula e Flávio. Resumindo esse nariz de cera genealógico, eu tenho apenas uma prima de primeiro grau, a Paula. 

Quando a gente era pequena e uma ia dormir na casa da outra, não eram raras as vezes que levávamos bronca porque não conseguíamos ficar quietas. Eu me lembro de sentar à mesa para jantar e minha mãe brigar com as duas, pois não parávamos de rir. Pior: quanto mais a gente ria, mais bronca levava, e mais vontade de rir tinha! Pura bobeira (gostosa). A vida, por motivos próprios, nos afastou, já que cada uma seguiu seu caminho: a Paula fez pedagogia e hoje é professora em Campinas, eu fui fazer jornalismo e acabei indo morar em São Paulo. Mas os laços, aqueles que são amarrados com fitas de carinho, ficaram. 

Já adultas, vimos uma reaproximação legítima em função de coisas em comum - Paula casou-se com o querido Oswaldo, um equatoriano desbravador que se fixou aqui no Brasil por amor, eu "casei" com o André, que embora tenha nascido em SP, traz no sangue a origem chilena. O ponto em comum mais divertido são nossas filhas*. Gabriela e Nina se identificaram desde o primeiro encontro, sempre em momentos de bagunça, alegria e cumplicidade.  É um barato ver as duas juntas, que 'se e nos' divertem, com doçura que só mesmo crianças são capazes. 

Como a Bibi é mais velha (a diferença de idade é de 3 anos), Nina segue a brincar numa espécie de "siga a mestre ensandecida", com direito a muita "arte", como diz a Bisa Íris - que, por sinal, se delicia com a presença das bisnetas, mesmo quando as duas estão embaixo da mesa de jantar. Outra vantagem de ter prima mais velha é que recebemos sacolas e sacolas de roupas que já não servem mais, ô coisa boa!!! Bibi vive recheando o guarda-roupa da Nina, obrigada sempre!!! 

E assim a vida, aquela mesma que por algum motivo me 'afastou' da Paula, segue. E os laços de família (aê, Manuel Carlos, abração pra vc!) continuam ali, atados, firmes e fortes.

E com vocês, o nascimento dos filhos reaproximou pessoas? Mudou algo na sua família? 

Brincadeira pouca é bobagem, gente. Com vocês, Bibi e Nina: 













E quem deu essa sandália pra Nina???


*Depois da Gabi, Paula deu à luz Léo, que por enquanto apenas observa atento as travessuras das meninas. Por enquanto... 




4 comentários:

  1. Carol, Esse post tem tudo haver com os dilemas que vivo hoje. A falta da familia no convivio diario com meu bb, me trazem muitas duvidas, se estamos no caminho certo ou não...ai! só estando longe pra ter ideia do qto é importante a presença da familia!
    Adorei as meninas, acho que a Bibi adorou ter uma bonquinha de verdade por um dia! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tamy, com certeza estar longe da família não é fácil, mas a gente também aprende a se virar, sempre se dá um jeito. Mas que é bom ter gente pra ajudar, olhar e brincar por perto, isso é!
      A Gabi e a Nina pegam fogo juntas, é mesmo um barato. Agora, a gente não sabe quem é boneca de quem: se uma é a boneca gigante que fala ou se a outra é a bonequinha bebê... rssss
      bjs

      Excluir
  2. Acho que sempre acontecem algumas mudanças com a chegada dos filhos,minha prima veio de Belém p/ nos visitar e conhecer nossa pequena,meu irmão veio de Minas.Acho legal manter contato,mas desdeque sejam saudáveis sabe...achei maravilhosa essa coisas das duas se entrosarem tão bem,e daqui a pouco o priminho vai estar participando tbm.
    bjs
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  3. OI Carol,
    aminha família também é pequena. O nascimento das crinças reaproximou no início, mas inflelizmente por motivos de necessidades de mndaças para outras cidades acabou afastando novamente. Eu sintomuita falta de famíia grande, movientada, crianças brincando. Que bom que a Nina está cutindo a Bibi.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/
    #amigacomenta

    ResponderExcluir

Use este espaço para divagar, escrever, complementar... Sinta-se em casa!!! ;)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...