14 de nov de 2010

Choro manhoso (e minha saudade antecipada)

Uma das coisas mais difíceis de um bebê é o choro. Eles choram por tudo: frio, fome, sono, cólica, fralda suja e até mesmo por tristeza. Muita gente admite existir o tal chorinho do pôr do sol, aquele choro de fim de dia tão melancólico que o bebê sente por ter 'saído da barriga'.

No caso da Nina, ela chora bastante. Como tivemos um entrosamento complicado no quesito amamentação, ela sempre chorou muito nas mamadas. Já maiorzinha, começou a chorar pra dormir - fica em guerra com o sono. O bom é que, com o tempo, a gente vai aprendendo a identificar cada tipo de choro. Na maioria das vezes, acaba acertando. No caso da Nina, choro forte que não para é fome; choro com esticadas de perna é cólica.

Agora, tem um chorinho que há tempos eu queria gravar pra guardar de recordação. Não é maldade, claro que eu não quero que minha filhota chore por nada nessa vida, mas esse choro em especial chega a ser 'fofo'. É o choro manhoso - que na verdade é puro dengo. Toda vez que ela 'chora' assim eu fico mais apaixonada, e vai caindo a ficha de que o tempo passa muito rápido... Por isso, tem dias em que estou com ela aqui em casa e quem chora sou eu - de saudade antecipada da minha bebê!

Um comentário:

  1. Q choro mais manhoso é esse?!
    ela ta lindaaaa, q fofura!!!!
    preciso muito ir ver vcs!
    beijoss
    att

    ResponderExcluir

Use este espaço para divagar, escrever, complementar... Sinta-se em casa!!! ;)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...