2 de mar de 2012

Papinha com gostinho especial...

Outro dia acompanhei a reunião de pauta do Portal R7 na Twitcam e sugeri uma pauta sobre papinhas. Foi bem na semana em que saiu a matéria da pesquisa britânica sobre bebês que comem de colher e a relação com a obesidade

Ontem, via twitter, recebi a resposta do R7, com uma matéria sobre como fazer a 1a. papinha do bebê. Achei uma delicadeza por parte da Mari, editora de Receitas e Dietas, afinal, sei como é corrido o dia a dia do portal e a quantidade de pautas que eles têm que produzir. 

A matéria teve também um gostinho especial (opa, papinha, gostinho especial, sacou?? rs) pois trabalhei na equipe do R7 por 2 anos. Entrei antes mesmo do portal estrear e fiz parte do mutirão para colocá-lo no ar (foi uma ótima experiência, ao lado de muita gente querida). A Nina, inclusive, é a 1a. bebê da equipe, já que fui a primeira dali a engravidar!!! 

Daí que, para quem quiser sugerir outras matérias, eles sempre avisam no twitter quando estão em reunião online. Basta acessar e mandar sugestões. Não há uma editoria específica para bebês, mas tem muita coisa bacana também na editoria de Saúde, como várias das matérias da Camila Neumam.  

olha a @ninaensina colaborando com o r7! ;)

Em geral, os bebês começam a introdução de alimentos aos 6 meses (embora, como tudo relacionado a eles, não há uma regra cronológica, vai de criança pra criança - e de família pra família). Aqui em casa a gente optou por deixar a Nina se lambuzar com alimentos na mão, também oferecendo com colher. Papinha sempre foi feita em casa, nunca usei aquelas prontas (fossem salgadas ou doces). Na hora de sair, levava a papinha em potinhos na bolsinha térmica, se precisasse pedia pra esquentar. Hoje, com 1 ano e meio, Nina já tenta comer sozinha de talher... ainda não consegue, mas se diverte muito. 

No mais, já que o assunto é papinha, que outros blogs legais sobre alimentação infantil vocês seguem? Vamos fazer uma lista nos comentários com indicações bacanas? Nossos bebês agradecem! ;)

obs. pra fechar, segue abaixo um vídeo que adoro do Palavra Cantada, da música "Fome Come". As batidas são muito dançantes e a letra, muito divertida: 



6 comentários:

  1. Ótimo post Carol! Vou ler os links indicados!
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oiê!! Leia sim, e mande suas sugestões tb!! ;)

      Excluir
  2. É Carol, aqui também sempre foi papinha caseira para o meu sobrinho. Engraçado que fica tão gostoso que até a gente acaba experimentando! hihihihi

    Beijos!
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A parte boa é que, como são saudáveis, dá pra comer sem sentir culpa!!! hahaha Beijos!

      Excluir
  3. Eu me divertia muito fazendo as papinhas (sempre caseiras e naturais) dos meus filhos. A cada novo sabor, uma nova descoberta e hoje eles comem super bem, sem frescuras.
    Adorei o post!!
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Cris, por enquanto as coisas vão bem em casa. Dizem que tem uma fase que a criança para de comer, mas ainda não passamos por isso. De qq forma, sigo firme e forte nos legumes, frutas e verduras, tudo natural... Beijos!

      Excluir

Use este espaço para divagar, escrever, complementar... Sinta-se em casa!!! ;)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...